CONHEÇA NOSSO BLOG
14Fev
fluxo de caixa para salão de beleza

Fluxo de caixa para salão de beleza: como montar um eficiente?

Marcar, ligar, anotar, ordenar atendimentos, agendar e mais outras tantas tarefas participam do dia a dia de um salão de beleza. Todas elas têm algo em comum: a variação de entrada e saída de dinheiro em caixa. Por essa razão, o profissional que deseja empreender no ramo precisa conhecer todas as estratégias para beneficiar seu negócio. Pensando nisso, preparamos este artigo para falar sobre a montagem de um fluxo de caixa para salão de beleza eficiente. Com ele, o empreendimento tende a ganhar mais estabilidade e poderá atender a um maior público. Boa leitura!

Como fazer um fluxo de caixa para salão de beleza?

Gerenciar o fluxo de caixa para salão de beleza é uma questão de suma importância para manter o negócio em atividade. Por mais que, a exemplo do que ocorre em salões de pequeno porte, administrar as entradas e saídas pareça simples, não é. Ou seja, depende de uma série de questões burocráticas específicas para que o estabelecimento funcione de acordo com a legalidade exigida.

Somente assim, o negócio poderá conter um gerenciamento de crise, não ficando vulnerável às possíveis variações de demanda no setor.

Desta maneira, a boa gestão do fluxo de caixa para salão de beleza não prevê o que pode ser feito no momento presente, mas também avalia precauções.

Abaixo, separamos algumas técnicas que podem ser utilizadas para gerir bem a parte financeira de seu negócio. Veja!

1- Estipule metas

O primeiro ponto para garantir que o fluxo de caixa está seguindo o andamento correto é estipular metas. Por meio delas, você poderá ter uma visão mais ampla das necessidades específicas do seu negócio e quais são as estratégias viáveis para satisfazê-las. Assim, o fluxo de caixa ficará definido como uma das partes que cabe a cada uma das metas existentes.

Vale destacar que as finalidades das metas devem ser objetivas e claras para todos os colaboradores do negócio. É importante motivá-los e orientá-los a respeito da relevância destes objetivos para que o negócio permaneça ativo no mercado.

2- Monte uma planilha

O fluxo de caixa para salão demanda a urgência de organização. Então, se você é um empreendedor que se considera detalhista, esta é a hora de fazer um relatório ainda mais firme sobre o seu negócio. Na planilha, posicione todos os valores que são tangíveis ao seu empreendimento. Isso é, aqueles que estejam em conta corrente, no caixa do dia, poupança e outros lugares. Faça a soma e monte um registro para que fique mais fácil conferir se há alguma espécie de risco evidente para o seu salão.

De acordo com o fechamento diário, compra de materiais, pagamento de funcionários e demais atividades, alimente a planilha. Ela tornará seu negócio mais verificável, visto que implementa uma logística para definir o orçamento.

3- Separe o nível de precisão

Depois de já ter definido quais são as metas e dado início à planilha que te conduzirá até elas, é fundamental que os valores atuais sejam destinados de acordo com o nível de precisão. Neste momento, faça algumas perguntas. Veja exemplos:

  • O que é mais importante: comprar um material de luxo ou realizar o pagamento do funcionário “x” em dia?
  • É melhor fazer a reforma do ambiente ou manutenção dos aparelhos que são utilizados diariamente?

Para esses questionamentos, não existe uma resposta já pré-estipulada. Ou seja, tudo dependerá exclusivamente do nível de necessidade incluído em cada uma destas questões.

Para fazer a segmentação do que é necessário para seu negócio, contando com os valores do fluxo de caixa, utilize recursos visuais. Isso é, marque o que é mais importante com cor vermelha e também considere cores específicas para os demais tópicos. Assim, os pontos mais importantes ficarão evidenciados.

4 – Contrate uma empresa especializada

Por último, para garantir que a manutenção do fluxo de caixa para salão de beleza está sendo realizada corretamente, não deixe de contratar uma empresa especializada no ramo. Os profissionais do salão, poderão ficar a cargo da realização de suas tarefas e não precisarão desviar a atenção para o setor financeiro. Além disso, a partir dessa atitude, o risco de erros, que comprometam compras, vendas e recursos que devem ser implementados para a realização de serviços, não será admitido.

Portanto, essas são somente algumas das diversas vantagens de contar com uma assessoria contábil para o seu estabelecimento!

Gostou do artigo sobre o fluxo de caixa para salão de beleza? A Primeiro Assessoria é uma empresa especializada em contabilidade para salão de beleza. Nosso enfoque principal é no ramo da beleza. De tal forma, apresentamos uma série de soluções para que o seu negócio cresça em conformidade com a lei! Entre em contato conosco para esclarecer suas dúvidas.

Em nosso blog, veja os últimos artigos que já produzimos com temas semelhantes a este. Lá estão:

Compartilhe!

Posts RecentesCategoriasTags