CONHEÇA NOSSO BLOG
30Dez
serviço de depilação

Serviço de depilação: 4 dicas para quem deseja empreender!

O mercado da beleza é muito requerido por empreendedores que buscam iniciar seu próprio negócio. Esse fator, muitas vezes, é motivado pela existência da ideia de que a crise nunca chega a este setor. Contudo, ainda assim, para garantir que está no caminho certo é preciso ter atenção não só à quantidade de clientes, mas qualidade dos serviços prestados. Neste artigo, a Primeiro Assessoria separou dicas para quem está apostando no serviço de depilação como rendimento lucrativo para este ano! Continue a leitura e descubra quais são elas.

Serviço de depilação: o que um empreendedor precisa conhecer?

1- Pesquise sobre o mercado de atuação

De acordo com a Euromonitor Internacional, no período entre 2015 e 2016, o setor de roupas e calçados no Brasil teve queda equivalente a 6,3%. Por outro lado, a beleza teve crescimento igual a 4,8%. Desta forma, o aumento representou um valor total de US$1,3 bilhões. Devido a esse exponencial, o mercado também sofreu mudanças.

O público masculino, hoje, também já representa uma boa parcela de pessoas adeptas ao serviço de depilação. Novos tipos de personalização, como ceras e lasers, também tornaram a depilação um processo mais higiênico e menos doloroso.

Por fazer parte de um ramo que não sofre com sazonalidades, o mercado de depilação segue firme, independentemente dos períodos do ano.

2- Formalize o plano de negócios

Quando falamos em empreendimento na área da beleza, é de suma importância que o empreendedor tenha em mente um plano de negócios. Com o serviço de depilação, a situação não se torna nenhum pouco diferente.

Ciente de todos os investimentos, maquinários, produtos, quantidade de funcionários e qual público deseja atingir, todas as outras etapas se tornam bem mais facilitadas. Outro fator que também está dentro do planejamento do negócio e não deve ser esquecido é a análise da concorrência e o que pode ser feito para diferenciar-se dela.

Os principais pontos do plano de negócios são:

  • do que se trata o serviço?
  • como ele será desenvolvido?
  • qual é o montante de capital investido?
  • quanto precisa ser arrecadado mensalmente para mantê-lo ativo?
  • quanto tempo é necessário para o retorno completo do capital?
  • quem são as pessoas que serão atendidas?
  • como funcionará o processo de regulamentação?
  • como será executada a contabilidade?

3- Conheça o local

Outra dica que pode ser concedida aos profissionais que estão pretendendo investir no serviço de depilação como forma de renda é a localização. Visto que a depilação pode ter atendimento em domicílio, quando se opta pela abertura de uma clínica, é fundamental optar por um local de fácil aproximação com o público-alvo. Ou seja, principalmente a localização deve considerar pontos com grande fluxo de pessoas. Essa questão pode ter ligação direta com a rentabilidade de caixa, considerando que crescem as possibilidades de mercado.

4- Tenha a documentação necessária

Para abrir uma clínica que ofereça serviço de depilação alguns documentos são requeridos. Eles são:

  • CNPJ;
  • alvará de funcionamento;
  • documentação na Junta Comercial;
  • IPTU do imóvel;
  • cópia autenticada do RG e CPF.

Viu como, mesmo que pareça simples, o serviço de depilação depende de uma série de fatores para ser feito de maneira legal? Se você precisa de uma consultoria de qualidade para colocar seu negócio em ação, entre em contato com a Primeiro Assessoria Nós te apresentaremos soluções contábeis eficientes para o segmento de beleza.

Em nosso blog, veja todo o conteúdo exclusivo que já preparamos para você! Lá estão:

Compartilhe!

Posts RecentesCategoriasTags